sexta-feira, 27 de novembro de 2009

intimidade

Toca o telefone na minha casa de manhã, eu atendo cheia de má vontade e uma voz estridente diz: olá Sibelle, é o Luiz!

continue rigorosamente onde estava, na boa, conheço uns 50 Luiz, nenhum com motivos fortes o suficiente pra me ligar 8h40 da matina com tanto entusiasmo. Como sou praticamente educada, fui simpática e em lugar do tradicional: "pois não, posso ajudá-lo??" perguntei se estava tudo bem com ele.

quase desmaiei quando o indivíduo diz: é o Luiz da loja ...&..., há 2 anos atras você comprou uma centrífuga conosco e colocou seu fone no ticket do cartão de crédito e eu estou ligando pra perguntar por que vc nunca mais voltou, se não esta precisando de OUTRA CENTRÍFUGA (alowwww?????) e pra te convidar pra conhecer nossas promoções em liquidificadores, batedeiras e outros...

KCT, tenho cara de maníaca por produtos da linha branca? como assim, outra centrífuga? nem uso a que comprei há 2 anos atrás, aliás usei ela umas 3 vezes, no máximo!

odeio este tipo de pós-venda, sinceramente ODEIO

2 comentários:

  1. Esse Luiz é assim mesmo, só liga cedinho,rsssss

    ResponderExcluir
  2. Liga não, é a pressão por vendas impostas por nossos gerentes.

    ResponderExcluir